pessoa-desaparecida

Antes do registrar o desaparecimento junto à Polícia Civil você deve manter contato com parentes, amigos, namorados, vizinhos.
Se você possui familiares que residam em outras localidades, tente entrar em contato com os mesmos, pois muitos desaparecidos constumam se refugiar em casas de amigos ou parentes que moram em outras localidades.
Converse com as últimas pessoas que tiveram contato com o desaparecido para avaliar a sua situação psicológica e emocional (estado de espírito) tentando obter uma possível indicação do motivo e/ou destino do mesmo.
Ao registrar a ocorrência, se possível, leve uma foto recente do desaparecido, de maneira a permitir melhor identificação das características físicas da pessoa (altura, cor, etc.).
Entre em contato com os Hospitais, Departamento Médico Legal (DML) para saber se o desaparecido não sofreu algum acidente ou foi vítima de violência.
Em caso de o desaparecido ser criança:
Tente identificar as roupas, se fala, se sabe indicar onde mora, sabe escrever/telefonar,
se costuma ir a casa de amigos sem avisar.
Em caso de pessoas com debilidade mental, tente informar quantas vezes já desapareceu, onde foi encontrada, se estava recolhido a algum hospital ou casa de tratamento. Quando da localização da pessoa desaparecida, o comunicante do desaparecimento deverá retornar à delegacia de polícia na qual foi comunicado o desaparecimento, a fim de dar ciência às autoridades policiais, que providenciarão a baixa junto ao sistema informatizado.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul